Diretamente ao conteúdo
Ministério das Relações Exteriores da Finlândia

Relações econômicas - Embaixada da Finlândia, Brasília : Finlândia e Brasil : Relações econômicas

EMBAIXADA DA FINLÂNDIA, Brasília
CONSULADO DA FINLÂNDIA, São Paulo


Fone (61) 3443-7151
E-mail: consular.bra@formin.fi, sanomat.bra@formin.fi
Português | Suomi | Svenska |  | 
Letra normalLetra maior
 

Relações econômicas

O comércio entre a Finlândia e o Brasil tem crescido nos últimos anos de maneira positiva. Em 2010, o intercâmbio comercial entre os dois países atingiu aproximadamente 1,2 bi euros. A importação finlandesa inclui, em sua maioria, máquinas e equipamentos. Os produtos exportados mais importantes são os mineirais, minério de ferro e alimentos.

Tabela: Comércio entre a Finlândia e o Brasil

Milhões €20062007200820092010
Importação429,0481,6603,8598,2545,8
Exportação577,0627,2615,4465,1641,3
Balanço-148,0-145,6-11,6133,1-95,5

Os investimentos finlandeses no Brasil têm, também, crescido significativamente nos últimos anos. O investimento produtivo mais antigo no Brasil, e também em toda a América Latina (1960) é a fábrica de tratores Valmet, que posteriormente foi transferida para donos americanos com o nome de Valtra. Nokia abriu a sua fábrica de celulares em Manaus, em 1998, e com ela tornou-se rapidamente uma das maiores empresas exportadoras. Hoje, a Nokia emprega aproximadamente 3 000 funcionários. Juntamente com a Nokia outros fabricantes da TI chegaram ao Brasil.

Um co-investimento de Stora Enso e a empresa brasileira Aracruz Celulose fez surgir no estado da Bahia a maior fábrica de celulose do mundo. A Veracel, cuja produção se baseia no uso de eucalipto branqueado, começou a produção em maio de 2005. A fábrica iniciou a sua produção em 2005. O valor total do investimento foi de 1,25 bi USD, o que o tornou o maior investimento único estrangeiro no Brasil. Stora Enso tem cogitado dobrar a capacidade de produção da Veracel.

Ao todo, há mais de 40 empresas com interesses finlandeses no Brasil. O volume dos negócios soma quase três bilhões de euros e é múltiplo em relação à exportação direta da Finlândia. As empresas empregam aproximadamente 20 000 pessoas.

O Centro Comercial de Finpro foi inaugurado, em São Paulo, em 1996. Os seus principais setores incluem a indústria florestal, telecomunicações, indústria de minas e de mineração, saúde, tecnologia alimentícias e tecnologia ambiental. Os serviços de consultoria de Finpro concentram-se em dois grupos principais, por um lado, o planejamento de entrada ao mercado e desenvolvimento dos canais de distribuição, e, por outro, incentivos à produção local.

Imprimir esta página

Este documento

Atualizado 13/09/2011


© Embaixada da Finlândia, Brasília | Informação sobre o serviço | Contatos